O Vulcão Amazonas: o mais velho vulcão do mundo.

O Vulcão Amazonas era uma ameaça há 1,9 bilhões de anos atrás. Naquela época, era uma força a ser temida. Hoje, o que sobrou de seu poder é apenas a estrutura de sua cratera e o vestígio de seu passado.

O Vulcão Amazonas era uma ameaça há 1,9 bilhões de anos atrás. Naquela época, era uma força a ser temida. Hoje, o que sobrou de seu poder é apenas a estrutura de sua cratera e o vestígio de seu passado.

Normalmente, o que você aprende na escola quando o assunto é vulcões? Que são estruturas que escorrem lava, por vezes formam montanhas e foram responsáveis por grandes destruições. Como é o caso do Vesúvio, que destruiu as cidades romanas de Pompéia e Herculano em 79 a.C. No Brasil, você também aprende que somos privilegiados nesse quesito, não temos vulcões ativos em nossa área continental. Pela teoria dominante, isso ocorre pelo Brasil não se encontrar nas bordas das placas tectônicas. E sim no meio da Placa Sul Americana, diferente de nossos irmãos peruanos e chilenos. Os Andes estão aí para dizer que a Terra tem seus próprios movimentos. Mas nem sempre foi assim, o Brasil já foi uma terra quente, e não pelo calor do sol. Seu território já foi cheio de vulcões. E guarda resquício do mais velho exemplar do mundo.

E o seu local de repouso é o mais paradoxal possível. A Amazônia, terra normalmente plana e com muito verde. Mas dentro do emaranhado vegetal, os geólogos dizem que o Vulcão Amazonas segue inativo. Sua idade o coloca como ancião, 1,9 bilhões de anos atrás. Naquela época, o mundo se encontrava no Éon Proterozoico, que significa anterior aos animais. Era aqui que a atmosfera terrestre sofria uma mudança química de composição. Ela ganha mais oxigênio, o que permite o início da fotossíntese da flora existente. Por outro lado, os animais são simplórios, e a maior parte da vida se encontra no mar. Não existe Pangéia, mas sim várias massas de terra de movimentação irregular. Você teria a Gonduana (junção da América do Sul, África, Antártica, Índia, Península Ibérica e Sul da França) de um canto. Do outro a Laurência (América do Norte, Escócia, Irlanda e Groenlândia).


E, o que você conhece como Amazônia hoje em dia pode esquecer. O cenário era desértico, inóspito e cheio de cadeias vulcânicas para todo o lado. Da Amazônia até o Mato Grosso, segundo os geólogos, existiam conjunto de montanhas explosivas e em atividade. Com o passar do tempo é claro, essas estruturas foram sofrendo erosões de todo o tipo. A história da Terra também decidiu fazer seu trabalho e aos poucos as grandes estruturas foram se perdendo. O que hoje, em grande parte pode ser visto é o resto de antigos vulcões, as chamadas crateras. Não o Amazonas, que preserva pelo menos a entrada de sua cratera. Novamente pelos geólogos que entendem do assunto, a localização precisa fica entre os rios Tapajós e Jamanxim, no atual estado do Pará.

Em sua época de atividade plena, é estabelecido pela academia que ele podia ter chegado a 400 metros de altura. Sua cratera beira aos 22 km de extensão. E como os geólogos chegaram a estes resultados? Observando e estudando as rochas locais. Na região do Xingu, assim como nas proximidades do Vulcão Amazonas, há a existência de rochas que só podem ser produzidas com intensa atividade vulcânica. Embora seja o mais velho vulcão atualmente datado, é melhor esperar por mais novidades.

Isso pelo fato da dificuldade de encontrar estruturas como essa em uma área de selva atual. Contudo, como todo esse sistema é interligado, é provável que outras regiões do país também tenham seus antigos vulcões. Mesmo que parcialmente preservado. Áreas do Mato Grosso também apresentam rochas similares as encontradas no Pará, o que dá indícios de que novos antigos vulcões podem ser redescobertos no Brasil. Acho melhor voltarmos para a escola!

COMMENTS

Nome

Análise,2,Ciência,13,Culinária,1,Curiosidades,67,Educação,14,Filmes,10,História,13,Islândia,1,Israel,4,Jogos,12,Mitologia,11,Mundo,1,Nintendo,1,Palestina,1,Patrocinado,1,Pokémon,1,Política,1,Religião,7,Séries,12,Suméria,1,Viagens,12,
ltr
item
O Curioso Mundo de Vítor Hugo: O Vulcão Amazonas: o mais velho vulcão do mundo.
O Vulcão Amazonas: o mais velho vulcão do mundo.
O Vulcão Amazonas era uma ameaça há 1,9 bilhões de anos atrás. Naquela época, era uma força a ser temida. Hoje, o que sobrou de seu poder é apenas a estrutura de sua cratera e o vestígio de seu passado.
https://4.bp.blogspot.com/-lKqoJ0veDj4/W_P8QVMNxrI/AAAAAAAAJ78/PnHCZn5DtJYHuxEhOlSa_JcRoS0GenVfACLcBGAs/s640/Vulcao_Amazonas.jpg
https://4.bp.blogspot.com/-lKqoJ0veDj4/W_P8QVMNxrI/AAAAAAAAJ78/PnHCZn5DtJYHuxEhOlSa_JcRoS0GenVfACLcBGAs/s72-c/Vulcao_Amazonas.jpg
O Curioso Mundo de Vítor Hugo
https://www.mundovh.com/2018/11/vulcao-amazonas-velho-mundo.html
https://www.mundovh.com/
https://www.mundovh.com/
https://www.mundovh.com/2018/11/vulcao-amazonas-velho-mundo.html
true
4458632588204771738
UTF-8
ENCONTRANDO TODOS OS POSTS Not found any posts VEJA TODOS Leia Mais Reply Cancel reply Delete Por Início PÁGINAS POSTS View All RECOMMENDADO PARA VOCÊ LABEL ARQUIVOS BUSCAR TODOS OS POSTS Infelizmente, não encontramos sua pesquisa Retorne ao Menu Principal Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy